Qual investimento para montar um Marketplace?

app-salao-agendamento

Qual investimento para montar um Marketplace?


O marketplace ou shopping marketplace são ótimas soluções para vendedores e empresas que querem ampliar as suas carteiras de clientes, vendas e receitas.


Sabemos que mesmo que o vendedor seja tradicional ou ligado ao varejo digital, o e-commerce, os produtos e os serviços devem ser amplamente conhecidos.


Quando a marca e os produtos são conhecidos há grandes chances de converter visitantes e pesquisadores de produtos em clientes, num processo direto de conversão.


Sendo assim, as médias e altas taxas de conversão são alcançadas quando o cliente se sente seguro ao acessar a loja virtual e demais plataformas de comércio digital acreditando a seriedade e dedicação da empresa.


Investimento para Marketplace (Shopping Marketplace)


Inicialmente, para a marca que pretende investir num marketplace próprio, poderá ser necessário investir a partir de 10.000,00 reais com faturamento planejado de 20 a 40 mil reais dependendo do tipo de produto e mercado a ser explorado.


É importante muito estudo e teste de mercado (mesmo no digital) para verificar se o projeto poderá ser sustentável gerando bom volume de visitantes.


Investimento a longo prazo


Além de investir na estrutura da loja virtual, o empreendedor poderá precisar também investir em anúncios direcionados e técnicas de conversão de clientes


Os investimentos e geração de clientes ou conversão devem ser orgânicos (com conteúdo de qualidade) e não orgânicos (a partir de anúncios e divulgação).


Gerindo verbas


Boa parte da verba aplicada ao e-commerce próprio aplicada para a divulgação e marketing da marca deve ser retirada do investimento inicial e das primeiras receitas.


É primordial calcular os esforços de vendas e saber qual quantidade de verba e por quanto tempo a empresa precisará ter dinheiro para comprar domínio, servidor, contratar webdesigner, pagar por pacotes de anúncios, administrar estoques, entre outras ações do planejamento da empresa.


Riscos


Todo tipo de investimento apresenta riscos, seja investimento no próprio marketplace ou inserindo seus produtos e marca numa marketplace já existente.


Um dos principais custos é a não identificação dos custos envolvidos. Geralmente, o marketplace cobra entre 10% a 15% de comissionamento a cada venda realizada.


É necessário calcular se, ao inserir um produto nas lojas Americanas.com e Mercado Livre, por exemplo, vale a pena pagar pelas comissões.


As responsabilidades


O uso dessas plataformas de vendas, seja através de seu próprio site ou cadastrado como empresa vendedora num marketplace conhecido, há importantes responsabilidades a serem assumidas pelos vendedores e suas respectivas empresas.


Dentre as principais responsabilidades temos a geração de tráfego, valorização da mídia, realização da cobrança de pagamento do cliente, análise de riscos e disponibilização da plataforma de vendas também referida como webstore.


A criação


A criação de um marketplace ou shopping marketplace não é atividade fácil. Nem sempre a taxa de retorno poderá ser a mesma do projeto planejado inicialmente, mas a boa dica é focar na geração de valor do produto e nas necessidades do cliente.


Conclusão


É fundamental ter consciência sobre o mercado que pretende atingir, estudar a viabilidade de criar um marketplace de qualidade, estudando o trajeto do cliente e as etapas de compra e venda no mercado.


É importante identificar bons fornecedores de produtos e serviços, valores de mercado e tecnologias a serem empregadas pelas empresa e pelos empreendedores.

5 Informações históricas e relevantes sobre o primeiro Shopping Market Place do mundo!

Como Conseguir Clientes em 2 Passos

Leia também: https://helptechnology.com.br/shopping-market-place-marketplace/